SEGUIDORES

terça-feira, 30 de maio de 2017

Nos lábios


Garmash
  
 Nos lábios das flores sinto o veludo das pétalas
na  cor labareda do laranja do sol poente
girassóis de fome e de fogo em pele ardente

Na penumbra da tarde passeiam aromas de delírios
em nocturnos segredos e ondas de loucura tardia
na música do teu corpo feito melodia

E nesta harpa em acordes musicais de fantasia
a noite cai e dorme na tua boca
São gotas de orvalho, na madrugada vazia

Poeira de sonhos amantes
luz fugidia
sombras distantes.


Manuela Barroso

16 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Belo poema amiga. Gostei muito.
Um abraço

Zilani Célia disse...

OI MANUELA!
UM TEXTO BELÍSSIMO QUE SE LÊ, E SOA AOS NOSSOS OUVIDOS COMO OS ACORDES DESTA HARPA DE SONHOS.
LINDO DEMAIS AMIGA.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Ana Freire disse...

O que dizer?...
Mais um trabalho absolutamente notável, que se me permitir, Manuela, qualquer dia, destacarei lá no meu canto, com um link para aqui, evidentemente!...
Simplesmente maravilhoso!
Um beijinho grande! Continuação de uma boa semana!
Ana

Jaime Portela disse...

Um poema belíssimo.
Onde a excelência poética mora em cada verso.
Um abraço, querida amiga Manuela.

Majo Dutra disse...

Belíssimo poema!
Expressivo, sensual, nostálgico...
Uma maravilha lírica.
Beijos, querida Amiga.
~~~~~~~~~~

Maria Rodrigues disse...

Maravilhoso poema.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

leninha brandao disse...

Minha doce Manu

Vir até aqui é voltar ao tempo do romantismo e da sensibilidade.Ler teu poema é seguir por uma estrada de sol, embalada por doces melodias.Encontrar novamente a tua voz é magia e é encanto sem fim.
Meu sábado ficou mais luminoso ao sentir as pétalas que derramaste em meu caminho.
Um beijo carinhoso.
Te gosto muito!
Leninha

leninha brandao disse...

Acabo de deixar um comentário.Espero que o vejas.O blogger tem brigado comigo,minha querida.
Um beijo,
Leninha

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, na harpa com acordes musicais de fantasia, escreveu o belo poema, seu dom poético é excelente.
AG

Olinda Melo disse...


Um poema que nos conduz por misteriosos caminhos,
pela tarde, noite e madrugada. Promessas em que
as flores lançam os seus aromas e pétalas de
veludo.

Obrigada, cara Manuela.

Bom domingo.

Beijos

Olinda

Graça Pires disse...

Um poema com aromas e texturas e cores e música... Lindíssimo, Manuela!
Uma boa semana.
Um beijo.

Mar Arável disse...

Na boca das sementes
tão bem se escreve
lábios nos lábios

Jaime Portela disse...

Gostei de reler o teu excelente poema.
Bom fim de semana, amiga Manuela.
Beijo.

Maria Rodrigues disse...

Uma melodia em forma de poesia.
Maravilhoso!!!
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Teresa Almeida disse...

Tão ardente no desejo e na forma!
Há pétalas ao rubro e íntimas melodias.
Apetece ler de novo.

Beijinho, minha amiga Manuela.

Odete Ferreira disse...

Uma tela de palavras, a emoção do belo, a fruição da melodia que ouvi... Lindo!
Bj, amiga